segunda-feira, 24 de março de 2008

Festa Portuguesa


Finalmente, a cidade do Natal vai ter direito a uma festa portuguesa. Está sendo organizada pela gerência do restaurante Duas Marias e agendada para o próximo dia 25 de Abril, data da Revolução dos Cravos e do meu aniversário. A festa terá lugar na Praça das Flores, localizada no elegante bairro de Petrópolis. Esta será uma tentativa de recriar uma festa de rua, ao estilo popular, que terá início com fados e terminará com o balanço de Luiz Couto que eu não faço a mínima ideia de quem seja.
Uma noite regada com vinhos nacionais, comidas típicas e as inevitáveis sardinhas na brasa. A praça irá vestir as cores vermelha e verde numa iniciativa original e faço votos que se repita no futuro. Assim, sendo não será muito difícil adivinhar onde irei festejar o meu aniversário este ano. Se estiver particularmente animado, talvez me arrisque a cantar o "Cavalo Ruço"!

10 comentários:

TONY, Duque do Mucifal disse...

BOa! Parece-me uma excelente ideia e iniciativa. Espero que corra tudo bem e que seja um SUCESSO!
Visto deste lado do Atlântico parece-me uma ideia super interessante.
Abraços!

Carla disse...

então que a diversão seja grande e em tons nacionais
bjs

ana disse...

E caracóis, vai haver?

Mariana Araújo disse...

eita!
interessante!
prometa-me muitas fotos e uma longa explicação sobre o evento, ok?
quero saber o que esses portugas andam aprontando por aqui...
rsrsrs

AnadoCastelo disse...

Optima ideia, só é pena não poder estar por essas bandas.
Diverte-te e aproveita bem.
Bjs

Evelyne Furtado disse...

Que festa, hem Capitão?
Divirta-se!

musqueteira disse...

caro capitão... o mais engraçado é que a bandeira da republica ficou a paredes meias no seu Blog... com a nossa azul e branca!

Mad disse...

Prometo que vou pensar em aparecer por aí, já que devo viajar daqui a umas duas semanas, no máximo. Queres alguma coisa da terrinha, além dos livros da Ana?

Que coincidência, logo o "Cavalo Ruço"? Sabes que a letra é do meu pai, não sabes?

av disse...

Se cantares o Cavalo Ruço (já agora parabéns por escreveres correctamente a palavra, há imensa gente que escreve "cavalo russo"!!), não te esqueças dos direitos de autor...
estou a brincar, claro.
Um beijo

marta disse...

Se há fado que gosto e que muitas vezes cantei foi o Cavalo Ruço.

Não sabia que tinha sido escrito pelo Pai das manas Vidal.
Não fiz a ligação.


beijinho