domingo, 10 de dezembro de 2006

Made in Brazil


Como qualquer homem que se preze, sou um verdadeiro apaixonado por automóveis. Os primeiros sintomas ocorreram no final da adolescência e intensificaram-se uns anos mais tarde por razões profissionais. No entanto, não me sinto atraído pelas autênticas montras tecnológicas que povoam o mercado actual com as suas inúmeras siglas: ABS, EBD, GPS, VSC, airbags laterais,etc. As minhas preferências pessoais focalizam-se essencialmente em viaturas todo-o-terreno puros e duros, automóveis clássicos e os requintados modelos suecos da Volvo e Saab. Infelizmente, o meu orçamento nunca foi o suficiente para adquirir um destes últimos...

O mercado brasileiro é bastante mais limitado em termos de marcas comercializadas e versões disponíveis, um carro importado atinge preços exorbitantes e em termos locais, a posse de uma pick-up é sinónimo de elevado estatuto social. Contudo, fiquei desde logo fascinado pelo Troller T4 de fabrico 100% brasileiro claramente inspirado no Jeep Wrangler. O modelo apresenta as linhas clássicas dos todo-o-terreno mais rústicos que sempre me agradaram e uma potente motorização diesel. O litoral nordestino e os trilhos do interior constituem um autêntico parque de diversões para este veículo que tem um desempenho notável fora de estrada, com ângulos de ataque deveras impressionantes. Aliás, os automóveis não são os brinquedos dos homens crescidos?

8 comentários:

Ana disse...

O.k...se me sair o euromilhões eu prometo oferecer-te um desses agora pelo Natal... só para agradecer os dois votozinhos!

Beijocas lusitanas

Teresa Durães disse...

são brinquedos, são. mas esse até é giro!

(ando com muita falta de tempo)

bom domingo!

sem-comentarios disse...

tb nao me importaria nada de ter um brinquedo desses :)
eu adoro jeep's.
Esse é o máximo !

Bj**

eskape disse...

Estou em negociações para trocar de carro e muito provavelmente será um jipe.

Maria disse...

Pronto, sou do contra, acho que o teu gosto pela Saab e pelos Volvos mais interessante...

Beijinhos

Sofia disse...

Carros não são o meu ponto forte, não ligo a mínima para marcas, modelos ou cores. Mas gostaria de ter um jeep e acho que vou ganhar um de presente de aniversário !!. Mas não é um jeep desses que os brasileiros adoram e que são símbolo de status. Como sou apaixonada por coisas antigas, estou a procura de um willys original da década de 50 ;)
Abraços,

clara disse...

os carros são os brinquedos dos homens crecidos? hummm mas eu tambem AMO o meu carro... concordo com a maria, gosto mais do teu gosto por saabs e volvos :) nao sei se ja conduziste algum, eu conduzi um saab e nesse dia a concepçao de conduçao mudou. mas no brasil, nao se adequam nada :D o jipe parece-me girissimo :)

Paulo Cunha Porto disse...

Pronto, lá fui eu excluído do grupo dos homens que se prezam.
Estou arrumado, Excelentíssimo Manda-Chuva!