terça-feira, 16 de outubro de 2007

Carlota Joaquina - Princesa do Brasil


Aos dez anos de idade, a infanta espanhola Carlota Joaquina é prometida a Dom João VI de Portugal. É o início de uma trajetória de brigas, infidelidades e rusgas pelo poder que levam o casal, após herdar o trono, ao Brasil, para fugir do avanço das tropas Napoleônicas. Um filme de Carla Camuratti que retrata de forma mordaz a passagem da família real portuguesa nos trópicos. Uma película a rever, amanhã, no CineBand especial às 22h.

4 comentários:

Rubina disse...

E sera que nao e mais um daqueles filmes a ridicularizar a familia real portuguesa??

AnadoCastelo disse...

Explica-me lá porque é que os filmes brasileiros não aparecem por aqui?
Bjs

O Réprobo disse...

E, no entanto, Caro Capitão-Mor, o plano de refígio no Brasil e gestão do Império a partir de Lá não nasceu coma sugestão do Representante Britânico a D. João VI, estava previsto desde o final da II Dinastia. Apenas foi reactivado.
Abraço

Tati disse...

Acho o filme divertido, mas infelizmente devo dizer à Rubina que sim... D. João é retratado como um comilão disléxico e sujo, ela como uma vadia sem alma... Pelo menos D. Pedro continua bonitão, honrando os antepassados do Figo, rsrsrs
Infelizmente, Nanini não dá conta da pronúncia portuguesa e Marieta Severo muito menos da espanhola.
E pelo que andei lendo, a versão da História sobre ela já mudou nos últimos anos...
Nossa pequena Marie Antoinette, hehehe.
Mas é diversão garatida!