terça-feira, 12 de fevereiro de 2008

Perturbador...


Nunca achei muita piada ao facto de me compararem a personagens da ficção. Isso dá-me a sensação de possuir contornos de desenho animado. No entanto, existe um grupo de senhoritas que insiste em me comparar com o Dr. Christian Troy, personagem de uma série televisiva de que sou fiel seguidor - NIP/TUCK - interpretado pelo actor Julian McMahon. Se essas comparações tivessem como base as características físicas, até seria bom sinal porque convém salientar que o homem tem uma beleza e charme invejáveis. Porém, o mais perturbador é associarem a dimensão psicológica do personagem comigo.
Para quem não conhece a série em questão, devo elucidar que o hedonista Dr.Troy é um homem frívolo, manipulador, superficial e que encara a maior parte das mulheres como meros objectos de prazer, revelando verdadeira fobia de estabelecer relacionamentos estáveis. Assim sendo, resta-me avisar as mais desprevenidas a manter uma distância razoável da minha pessoa...

11 comentários:

Teresa disse...

xiiii capitão!!!

ainda bem que estou a milhas!

boa semana ;)

Mariana Araújo disse...

kkkkkkkkkkk
menino, mude imediatamente seu modo de agir, ou agora mesmo pare de andar com essas pessoas que te julgam dessa forma.
Verdadeiro insulto!
Nossa, esse personagem é definitivamente asqueroso, mas de certo charme, fato.

No mais, adoro quando as pessoas tentam me comparar a personagens de filmes ou desenhos.
De fato me divirto em ver o quanto sem noção as pessoas pensam que sou, ou infantil, ou séria, ou qualquer outra coisa.
Vou me assustar no dia que realmente achar que sou eu em algum personagem...rs

Evelyne Furtado disse...

"frívolo, manipulador e superficial"?
Ai meu Deus!
E vc gosta que lhe identifiquem com ele?
Ainda bem que conheço seu senso de humor,rs.

Zé Povinho disse...

Então é essa a sua cotação na opinião feminina? O que é que andam aquelas cabecinhas a imaginar....
Cuidado que há imagens que se nos colam à pele, mesmo que não o queiramos!
Abraço do Zé

Cristina disse...

Vou repetir o que me disseste: muito nos contas... (hahahaa).

Beijo grande

Teresa Durães disse...

credo!

O Réprobo disse...

Céus, esse Troy é uma peste!
Nada como o termo de comparação com este seu leitor fiel e amigo, que é assimilado ao James Bond, um homem conhecido pela durabilidade e profundidade das respectivas ligações...
Abraço, Caro Capitão-Mor

Carla disse...

ó capitão o melhor é mesmo ficar-se pelas parecenças físicas...também gosto da série

T disse...

Nem desgosto da pessoa do Dr Troy. Tem mais lá dentro do que parece.
Mas concordo, o Capitão é um homem bem melhor!

gotaelbr disse...

Caro "Capitão"...E afirma Vc. que é "Um Portuga Em Apuros Nos Trópicos"?... <{;~0))))
Grande abraço.

av disse...

Fishing for compliments, Capitão? Ainda não tinha visto este post...
Um beijo